CLIQUE ARQUITETURA • www.cliquearquitetura.com.br
Artigos

Banheiro: Aspectos Construtivos

Como planejar um banheiro: posição na planta, dimensão, piso, iluminação, mobiliário, ventilação, pontos elétricos e pontos hidráulicos.

Por Arquiteta Nadine Voitille Seguir

0 Gostar

Categoria: Interiores | Ambientes: Banheiro & Lavabo

+ Salvar em álbum de ideias

Por que planejar bem o banheiro?

O banheiro é um dos ambientes mais importantes da casa. Atualmente assume um papel diferenciado: além de ser um local funcional, é também um espaço de descanso e relaxamento.

Pensar sua posição na planta e detalhes funcionais, como iluminação e ventilação, evita dores de cabeça e traz conforto e qualidade de vida. Confira nossas dicas para acertar no seu planejamento!

 

Posição na Planta

Posicionar o lavabo e os banheiros em locais adequados traz conforto e agilidade para quem mora e visita a residência:

  • Sala de Jantar / Estar: ter um lavabo (pia e vaso) é o ideal. Assim quem chega pode lavar as mãos e durante uma conversa ou refeição acessar facilmente o lavabo, evitando que visitas, que estão na área social da casa, tenham de entrar na área íntima para isso;
  • Quarto: deve acessar facilmente o banheiro. Quando o objetivo é ter privacidade o ideal é que o acesso seja realizado apenas pelo quarto (suíte);
  • Salão de festas / churrasqueira: ter um banheiro exclusivo para estes locais é ótimo. Permite que os convidados tenham um banheiro mais “impessoal” e de fácil acesso, garantindo privacidade aos donos da residência e também às visitas;
  • Banheiro de serviço: destinado ao uso de funcionários, como empregadas, diaristas e jardineiros. Normalmente é pequeno e próximo da cozinha / lavanderia.
     

Exemplo de disposição: lavabo atende ao primeiro pavimento (local social), banheiro privativo atende apenas ao quarto do casal (suíte) e banheiro adicional atende à sala íntima e aos quartos. Fonte: Portal Clique Arquitetura.

 

Dimensão

Estas são as medidas mínimas indicadas para um banheiro ou lavabo:

  • Área: círculo inscrito com diâmetro mínimo de 1 metro e área mínima de 1,50m²;
  • Pé-direto: de 2,20 a 3,30m;
  • Profundidade: máxima de 3 vezes o Pé-direito. (padrão retirado do anexo III do decreto 212/2007 que regulamenta as edificações do Município de Curitiba);
  • Medidas mínimas para um banheiro ou lavabo: Banheiro: Ergonomia e Circulação

 

Piso

Sobre o solo é feita uma base de concreto armado e sobre esta o contrapiso. É no contrapiso que se faz a correção de inclinações e no qual usa-se produtos impermeabilizantes. Normalmente o piso dentro do Box do chuveiro recebe alguma inclinação para que a água escoe facilmente para o ralo. Sobre o piso é aplicado o revestimento, o qual deve ser resistente à água e pode ser antiderrapante, evitando escorregões e acidentes.

  • Rejunte à base de epóxi é bem resistente a manchas;
  • Área do box: a medida mínima indicada para o box é de 80cm, mas uma medida mais confortável é 90cm - lembrar que esta área poderá estar a um nível inferior ao restante do banheiro, aproximadamente 1cm;
  • Quer saber mais sobre revestimentos? Leia: Cerâmicas: Dicas Importantes

 

Representação das camadas que compõe o piso de um banheiro. Fonte: Portal Clique Arquitetura.

 

Iluminação

Este é um dos aspectos mais importantes de um banheiro, pois está diretamente relacionada ao seu bom funcionamento. Deverá ser uma combinação de iluminação natural (a ser valorizada) e artificial:

 

Iluminação natural:

É econômica (sustentável), possui ótima qualidade de reprodução de cores (ideal para a realização de tarefas que exigem atenção aos detalhes) e influencia positivamente no estado emocional das pessoas.

A janela deve ter uma boa área para que permita a entrada de luz e ventilação, devendo ter uma área mínima igual a 1/8 da área do banheiro (padrão retirado do anexo III do decreto 212/2007 que regulamenta as edificações do Município de Curitiba). Normalmente seu peitoril está, no mínimo, a 1,50m do piso.

Quando não há a possibilidade de abrir janelas é possível instalar uma clarabóia (abertura no alto da edificação para a passagem de luz e até mesmo de ventilação).

 

Exemplo de clarabóia em banheiro. Imagem: Blog Obravip

 

Iluminação artificial:

Lâmpadas fluorescentes podem ser usadas para a iluminação geral do banheiro, mas caso utilize este espaço para fazer maquiagem, por exemplo, tenha iluminação diferenciada próxima da bancada, como lâmpadas incandescentes ou halógenas que possuem elevado índice de reprodução de cores e permitem visualizar detalhes como se estivéssemos à luz do sol. Saiba mais:

 

 

Elevação apresenta elementos como iluminação geral e diferenciada. Fonte: Portal Clique Arquitetura.

 

Ventilação

É importante que este espaço seja bem ventilado evitando que fungos se proliferem. A área mínima indicada de janela é de 1/16 da área total do ambiente (padrão retirado do anexo III do decreto 212/2007 que regulamenta as edificações do Município de Curitiba).

A ventilação pode ser feita a partir de duto zenital (do teto) ou lateral ou ainda através de ventilação forçada, realizada através de equipamentos que podem ser comprados em lojas de materiais de construção, como os indicados abaixo:

 

     

Exemplos de exaustores de banheiro. Onde Comprar? Exaustores para Banheiro - Buscapé

 

Pontos Elétricos

De acordo com o equipamento, veja se a tomada deverá ser baixa (30cm de altura), média (1,10m de altura) ou alta (2,20m de altura).Faça este planejamento antes de colocar os revestimentos das paredes para evitar ter de quebrar posteriormente. Em geral precisará de duas tomadas: uma para o chuveiro e outra para a bancada (secador de cabelos, chapinhas, ...). Precisará também de um ponto de luz paraa iluminação geral do ambiente e outro pontopara a iluminação direcionada e caso opte por instalar ducha higiênica elétrica poderá já prever um ponto de energia para esta.

 

Pontos Hidráulicos

Devem existir pontos de água para a pia e para o chuveiro e caso seja utilizada ducha higiênica pode-se optar por um ponto exclusivo para esta. Deverá haver saída de esgoto para a pia e ralo para o chuveiro. Cada equipamento pode exigir medidas específicas de instalação e por isso o manual do produto deve ser analisado. Mesmo assim, indicamos abaixo alguns exemplos de medidas que podem ser tomadas como parâmetro:

  • Pia: ponto de água a 60 ou 65cm de altura em relação ao piso e esgoto a 50cm do piso;
  • Vaso sanitário: dependerá do modelo escolhido - pode variar bastante;
  • Chuveiro: aproximadamente a 2,10m do piso (se for mais alto do que esta medida poderá dificultar o acesso aos controles de temperatura no caso de chuveiros elétricos). Seu registro poderá estar a uma altura aproximada de 1,20m do piso;
  • Ducha sanitária: preste atenção ao modelo escolhido: alguns poderão utilizar o ponto de água da pia, não sendo necessário um ponto exclusivo para ela. A marca Fabrimar, por exemplo, indica para seus produtos que o ponto de água esteja de 50 a 55cm do piso e de 35 a 40cm do eixo do vaso, devendo o suporte de fixação da mangueira ser fixado entre 65 e 70cm de altura, como apresentamos abaixo:
 

Medidas indicadas para ducha higiênica da marca Fabrimar. Fonte: Fabrimar

 

* Onde Comprar? Compare modelos e preços: Duchas Higiênicas - Buscapé

 

Móveis

Faça um sóculo (base de alvenaria que pode ser revestida pelo mesmo material do tampo ou do piso) para que os armários fiquem longe da umidade do chão, ou faça armários suspensos. Simplesmente pintar o sóculo pode exigir manutenção constante já que ficará sujo com facilidade (batida de sapatos e de equipamentos de limpeza como rodos e vassouras). Veja também:

 

Sóculo é apresentado em laranja. Fonte: Portal Clique Arquitetura.

  

>> Próximo Passo: Banheiro: Ergonomia e Circulação

 

Fontes Consultadas

 

 

+ SAIBA MAIS | Banheiros

 

 

Veja também

Artigos mais lidos

Artigos mais comentados