Seu Portal de Ideia e Soluções
      ARTIGOS
ARTIGOS / Como Decorar
VOLTAR

Como dar um toque europeu na decoração da sua casa

Algumas dicas simples de decoração ajudam a decorar sua casa no estilo europeu.

Por: Arquiteta Nadine Voitille       13 de Setembro de 2018   |   VISUALIZAÇÕES 162

Uma decoração direcionada para o lado rústico e a valorização do passado em sintonia com a modernidade: o estilo europeu para decorar uma casa é uma alternativa bem interessante. Traduzir o gosto pela cultura do Velho Continente para dentro das quatro paredes pode resultar em uma linda decoração.
 
Objetos antigos são componentes importantes na decoração de um ambiente europeu. Sendo assim, peças vintage, como uma coleção de pratos expostos em um armário de vidro de móvel rústico, realçam a caracterização do espaço.
Em um recinto europeu, dependendo do país, também é muito comum a presença de sofás e cadeiras com molduras de madeira e almofadas muito coloridas e texturizadas. A sala deve ser convidativa e formal, mas também com uma aparência de cores vivas. Usar estampas de animais e tecidos que contenham mapas são ótimas dicas.
Outro exemplo de decoração é explorar algum tipo de quadro que remeta a roleta, uma invenção francesa (neste site é possível ver jogos de roleta), para dar um toque cult e europeu ao cômodo. Colocar na sala de estar discos referentes aos gêneros fado e flamenco, tradicionais em Portugal e na Espanha, respectivamente, também é uma ideia simples que ajuda a caracterizar o ambiente.
 
Para quem procura incorporar um ambiente escandinavo usar painéis de carvalho branco é uma boa saída para proporcionar um visual acolhedor e sofisticado. Em relação a mobília, é importante evitar despensas e prateleiras embutidas e o ideal é incluir gabinetes independentes.
“Os grandes aliados desse tipo de decoração (escandinava) são os ambientes amplos, com móveis de linhas simples e sóbrias em estilo minimalista; a luminosidade natural intensificada através de grandes janelões; o uso de cores claras e pálidas, com destaque para o branco, acentuando a luminosidade”, diz a designer de interiores Alana Sparemberger (no site Tua Casa).
 
Optar por luminárias artesanais (no Dcore Você há 5 modelos interessantes) ajuda a trazer um ar de ambiente europeu. É o que afirma a arquiteta norte-americana Laura Rubin. “A ideia de uma luminária artesanal que foi projetada e moldada por um profissional da arte nos lembra uma época na Europa em que os artesãos eram uma parte essencial da comunidade”, diz ela.
“Ambos os itens de decoração e de uso diário eram fornecidos por artesãos especialistas em seus campos. Esses detalhes dão vida ao lar”, completa Rubin.
 
Foto: KlausAires - Pixabay.
 
O vinho está muito presente na cultura europeia e naturalmente essa bebida pode ser um bom adorno na decoração. Sendo assim, providenciar uma adega de vinhos deixará seu espaço mais charmoso e com estilo, mas é preciso tomar alguns cuidados com o espaço — como em apartamentos, por exemplo. “Se for em apartamento, a primeira lição é manter a adega longe do elevador. A gente pode não perceber, mas as trepidações não são boas para o vinho”, ensina o enólogo Alcioni Dümes (no site Gazeta do Povo).
 
Foto: pxhere
 
No banheiro, deixar o encanamento exposto, especialmente em latão ou cobre, dá uma característica bem europeia ao toalete. “É uma reminiscência dos dias em que as paredes eram de pedra sólida ou gesso e o encanamento do chuveiro não podia ser escondido lá dentro”, diz Rubin.
Outra ideia mais simples, sem mexer na parte estrutural, é fazer o uso de uma combinação de cores azuis e brancas, muito utilizadas na França, por exemplo — que darão ao banheiro uma impressão limpa e moderna.
 
Quanto a decoração na cozinha, geralmente ela é mobiliada com piso de cerâmica de cores neutras e brilhantes, como branco, marrom, preto, laranja ou bege — móveis de aço inox se encaixam muito bem com este estilo.
A cozinha dever ser diretamente ligada à sala de jantar, onde as mesas e cadeiras devem estar caracterizadas bem próximas ao jeito europeu. A janela da cozinha pode ser com batentes de metal que se abrem em pelo menos 90 graus — com portas francesas que se projetam para fora —, aliada a uma iluminação eficaz adicional que vão além das lâmpadas comuns nesse tipo de recinto.
 
Como a cultura europeia pode ser bem distinta dependendo de sua localização (como há a diferença de estilo em design do lado mediterrâneo ao escandinavo, por exemplo), o ideal é procurar a opinião de algum profissional da área da decoração para o projeto ser realizado da melhor maneira possível e caracterizado corretamente com algum determinado estilo do Velho Continente.
 
 

Texto: Discovermedia.io

 
+ SAIBA MAIS | Como Decorar
tendências de decoraçãodecoração de interioresdicas de decoraçãodecoração rústicaTAGS:
  RELACIONADOS
Upcycling: Tudo se Transforma
Quadros: criando composições
Sua Casa com Ares de Primavera
Decoração com Estantes, Prateleiras e Nichos

0 COMENTÁRIOS
clique para visualizar
2010 - 2018 - CLIQUE ARQUITETURA - TODOS OS DIREITOS RESERVADOS