CLIQUE ARQUITETURA • www.cliquearquitetura.com.br

Do subsolo para os interiores

Revestimento que remete às mais tradicionais estações de metrô de grandes capitais do mundo viram hit na decoração.

0 Adicionar à minha biblioteca

Por Mão Dupla Comunicação Seguir

  • 08/08/2017

+ Salvar em álbum de ideias

O estilo urbano invadiu a moda e a decoração trazendo à tona referências um tanto inusitadas. Enquanto na moda as peças detonadas viraram febre (calça agora é assim, quanto mais rasgada melhor) a decoração foi beber da fonte industrial. Em se tratando de revestimentos, não há dúvida, a grande sacada foi a releitura feita pela arquitetura de interiores do subway tile ou, simplesmente, azulejo de metrô. Como o nome sugere, o conceito do material é exatamente reproduzir as paredes de estações de metrô tradicionais de cidades como Londres e Nova Iorque.

A arquiteta Carmen Calixto já fez uso do revestimento em seus projetos e confirma se tratar de uma tendência mundial. "O estilo industrial está muito em alta e este revestimento vem nesta onda. Já o vi sendo utilizado em projetos de interiores de várias cidades do mundo. Inclusive em lojas de grandes marcas", conta.

Em relação aos projetos residenciais, o subway tile é bem-vindo nos mais variados ambientes. "Este revestimento deixa o ambiente mais cool e moderno. Fica muito legal em uma cozinha ou banheiro, mas também pode ser usado em um quarto ou home theater", explica a profissional que, inclusive já especificou o material em um home theater. Já a designer Laura Santos, optou por aplicar o azulejo de metrô em um banheiro. "Como o apartamento é antigo, mantive as louças originais e o revestimento de metrô fez esse contraste entre o vintage e o moderno", pontua.

 

A designer de interiores Laura Santos apostou no revestimento tendência para contrastar com o vintage das louças deste banheiro.

 

As profissionais revelam que, por ter crescido a demanda por este tipo de produto, o mercado já oferece diversas alternativas. "Existem várias opções de cores e marcas. Com relação ao tamanho, não varia muito para não descaracterizar o estilo", explica Carmen. O mais importante é que, independente da opção escolhida, o material possui vocação para ser destaque. "Ele possui bordas abauladas isso faz com que seu brilho seja ressaltado, dando destaque à peça", explica Laura.

Para quem gosta de destaque, aliás, uma boa pedida é apostar em rejuntes escuros para evidenciar o material. Mas utilizar um rejunte de cor similar também resulta em uma composição poderosa e harmônica. "Por fim, ainda existe a opção de se instalar as peças com as bordas desencontradas ou alinhadas. O resultado será sempre muito interessante", encerra Carmen.

 

 

+ SAIBA MAIS | Estilos e Conceitos

 

Veja também