Seu Portal de Ideia e Soluções
      ARTIGOS
ARTIGOS / Iluminação
VOLTAR

Iluminação: fundamental para a decoração

Um bom projeto luminotécnico destaca a decoração, valorizando o ambiente. Confira as dicas.

Por: AM Cursos Online       06 de Junho de 2012   |   VISUALIZAÇÕES 4.491

A iluminação adequada é fundamental para o sucesso de uma decoração

Dentro da decoração tudo deve ser muito bem planejado para que atenda às expectativas do cliente de uma forma tranquila, oferecendo conforto e bem estar. Deste modo, não só a questão estética é importante, mas também, a avaliação das principais necessidades.

Cada cômodo terá características específicas de quem o utilizará, sendo assim, o mobiliário, as cores, as texturas, os materiais assim como a iluminação terão que estar coerentes para a função do ambiente. Tudo é importante no projeto, mas o toque final geralmente fica com o luminotécnico, que quando adequado valoriza o ambiente e destaca a decoração. Escolher bem os efeitos da luz tem um papel fundamental para determinação de cenários que proporcionam ao morador a sensação de aconchego, luxo ou simplicidade, além de tornar os lugares mais agradáveis e inspiradores podendo interferir na sensação de dimensão do espaço, fazendo-o parecer maior ou menor. O ponto fundamental aqui é que sem uma iluminação adequada, nenhuma decoração resiste. 

A primeira questão a ser analisada quando se quer iluminar os ambientes é avaliar quanto tempo pretende-se permanecer nesse espaço e que tipo de atividade ocorrerá no local: trabalhos que exigem precisão, momentos de lazer ou receber socialmente. Em seguida, eleja alguns itens interessantes na decoração e na arquitetura que mereçam ser valorizados com a iluminação. Com esses dados em mãos fica mais fácil partir para o projeto específico de cada ambiente.

Cada luminária tem uma finalidade: Os spots são utilizados para dar destaques a móveis e objetos, as arandelas, os abajures e as mangueiras de luz embutidas, dão ao ambiente um ar de aconchego e conforto, os lustres centrais, que normalmente são peças mais marcantes, produzem um cenário homogêneo, porém não tão interessante, os balizadores e os focos orientáveis no piso marcam ambientes de passagem como corredores, escadas e jardins, as luminárias articuláveis de piso, podem ser transportadas para qualquer ambiente da casa e possuem um foco próprio para leitura. Outra importante questão a ser mencionada é referente às cores das luminárias e o material que é feita a tonalidade da lâmpada, pois elas podem refletir uma luz diferente da esperada e modificar o efeito desejado.

 

Atualmente no mercado existe uma infinidade de lâmpadas disponíveis, as mais utilizadas são:

 

No entanto, vale lembrar que iluminar não é algo muito simples, e por isso contar com um especialista faz diferença. Hoje, é possível contratar bons profissionais e lojas de iluminação que oferecem consultores treinados para auxiliar no desenvolvimento do projeto. Além de demonstrar as diferentes maneiras de iluminar o espaço, eles ainda fornecem as melhores alternativas de acordo com a planta do ambiente ou, em alguns casos, indo pessoalmente ao imóvel do cliente.

 

* Lumen (LM) – é o fluxo luminoso, a quantidade de luz emitida pela lâmpada.
** Watt (W) – representa a quantidade de energia consumida pela lâmpada – sua potência – e não sua intensidade de luz.
*** Volt (V) – é a tensão do local ou a energia que a lâmpada foi projetada para receber. Em alguns locais é 110, em outros, 220.

 

* Confira: Cursos e Palestras de Iluminação

 

 

+ SAIBA MAIS | Iluminação

 

 

iluminaçãoTAGS:
  RELACIONADOS
Tipos de Lâmpadas
LED na Iluminação
Design de iluminação natural: um ato de equilíbrio
Beleza Suspensa

0 COMENTÁRIOS
clique para visualizar
2010 - 2018 - CLIQUE ARQUITETURA - TODOS OS DIREITOS RESERVADOS