CLIQUE ARQUITETURA • www.cliquearquitetura.com.br
Pesquise milhares de fotos e salve suas favoritas. Pergunte, comente, divulgue suas ideias!
CADASTRE-SE NO CLIQUE ARQUITETURA
Artigos

O Rodapé

Saiba como escolher o modelo ideal e conferir personalidade e estilo ao seu ambiente.

Por Arquiteta Nadine Voitille Seguir

0 Gostar

Categoria: Materiais e Acabamentos: Revestimentos de Piso

+ Salvar em álbum de ideias

Qual a função dos Rodapés?

Título Original: O Papel dos Rodapés
Texto: Arquiteta Fernanda Messias - www.euamoarquitetura.com.br

 

Uma dúvida que sempre surge na obra é o famoso rodapé. O rodapé nada mais é do que o elemento linear existente na união do piso e da parede. Como cada ambiente possui uma particularidade de material e dimensões devem ser escolhidos levando em consideração as características do imóvel ou do projeto.

Apesar de muitos não perceberem o rodapé, e até nunca terem ouvido falar nesse elemento, isso não diminui a sua importância, sendo um complemento necessário e fundamental para dar acabamento ao espaço e proteger a parede do desgaste.

 

A Escolha do Material

Na hora de comprar sempre surge aquela dúvida sobre o tipo de material a ser utilizado. O importante é observar as dicas para não errar na escolha. Os arquitetos atualmente não tem se limitado a regra aplicada a tempos atrás: "que o rodapé deve ser do mesmo material do piso". A criatividade e o bom senso, agora, “falam mais alto”.

São muitas as possibilidades:

  • Madeira
 

Rodapé de Madeira - Fonte: Madereira Base Sólida 

 

  • Mármore e/ou Granito
 

Rodapé de Mármore - Fonte: Blog A Casa

 

  • Porcelanato
 

Rodapé de Porcelanato - Fonte: Blog Portobello

 

Além dessas opções podem ser:

  • MDF:   feitos em marcenaria de acordo com o projeto e são fixados na parede e podem apresentar acabamento em pintura ou em laca branca. A grande desvantagem deste material é sua durabilidade (principalmente se houver contato com água);
 

Rodapé de MDF, Eucafloor - Fonte: Blog Vila Decore

 

  • Cerâmica:  ainda existe também a possibilidade de rodapés cerâmicos ou pode-se optar pela utilização em poliestireno extrusado que é muito resistente, fácil de colocar e com acabamento para pintura.
 

 

Rodapé de Cerâmica - Fonte: Clique Arquitetura

 

Eu, particularmente gosto muito de utilizar em pisos de cerâmicas e porcelanatos, os rodapés de MDF com acabamento branco. Mas é claro que existem restrições em ambiente que possam sofrer contato com água, nesse caso, é prudente preferir os rodapés de porcelanato, ou pedra.

 

A Escolha do Modelo

A função do rodapé deixou de ser apenas de proteção do acabamento das paredes e passou a apresentar um papel fundamental como artifício decorativo. A intenção é usar o elemento destacando as diferenças de materiais, de cores e marcar o perímetro do ambiente.

A forma do rodapé depende exclusivamente do que se pretende na composição do espaço e existem muitos modelos que podem ser utilizados pelo cliente. Os modelos em MDF proporcionam uma aplicação barata e com uma maior facilidade no caso da utilização dos negativos.

 

Modelos com frisos e com 12cm ou mais de altura. Fonte: Eu Amo Arquitetura

 

São várias as opções de acabamento que devem ser escolhidas de acordo com o tipo de decoração do ambiente. Podem ser lisos, apresentar frisos negativos ou podem ser sobrepostos, retos ou abaulados. Resumindo: os rodapés permitem uma grande opção de detalhes particulares.

 

 

 

 Os diferentes efeitos que o rodapé proporciona. - Fonte: Clique Arquitetura

 

Dicas gerais

  • Geralmente quando compramos ou recebemos para decorar um apartamento, os ambientes vem com aquele modelo básico de rodapé com altura de 7cm e em madeira. Pode-se optar por apenas pintá-los na cor branca para combinar com as paredes ou pode-se trocar por uma outra opção dentre as relatadas;
  • As alturas dos rodapés podem ser diversas, mas como a maior parte dos apartamentos vem com pé-direito reduzido não podemos abusar muito das alturas; nesses casos recomendo uma altura de no máximo 12cm.
  • Uma boa opção é utilizar o último exemplo das imagens logo acima, que apresenta um friso que dá uma sensação de parede inteira e com rebaixamento inferior que proporciona uma sensação da parede não tocar o chão;
  • Independente do piso utilizado, mesmo que ele não seja um excelente material, é claro que é possível criar um toque especial utilizando um rodapé com um modelo branco com altura de 10cm que combina com todos os piso. Se quiser inovar, procure um profissional pra não cometer erros.

Lembre-se que rodapés altos podem ser utilizados em ambientes como lavabos, pra dar um toque especial; mas para não abusar, procure seguir a regra: "rodapés altos para pé-direito alto".

Aproveitem e boa escolha!

 

Veja Também

 

Fonte Consultada

  • O Papel do Rodapé - Blog Eu Amo Arquitetura.  Acesso em: março, 2011.

 

 

< Voltar   Materiais e Acabamentos :: Revestimentos de Piso

 

 

ads

Veja também

Artigos mais lidos

Artigos mais comentados